Pular para o conteúdo principal

COLETIVO DI JEJE COMPLETA 5 ANOS DE CONHECIMENTO E FORMAÇÃO E VOCÊ GANHA DESCONTO


Hoje eu vou contar uma história para você.
Quando eu era criança, minhas professoras diziam que o máximo que eu poderia ser, era mulher de algum bandido e ter muitos filhos. Foram 11 anos de escolarização, lutando contra a crença de que eu era incapaz, de que eu não podia.
Somado a isso, cresci num ambiente familiar violento, miserável e numa comunidade vulnerável na periferia de SP.
As experiências de militância politica que tive desde os 10 anos, me mostraram que o estudo era a única forma de lidar com toda a miséria e violência, somente assim seria possível transcender.
Fiz a faculdade de Pedagogia como bolsita, depois Mestrado em Educação pela PUC-SP, e após todo esse percurso, aos 28 anos de idade, decidi que investiria meu tempo, minha capacidade, minhas habilidades no que acredito como a única coisa capaz de mudar pessoas, de potencializar pessoas, de possibilitar que pessoas possam transcender: EDUCAÇÃO. A única forma de superarmos o racismo, machismo, homo e transfobia e demais opressões, é através da formação para a emancipação.
E assim, em 10 de Fevereiro de 2014, fundei o Coletivo Di Jeje.

Ele começou tímido, pequeno, um curso sobre a Angela Davis aqui, outro sobre feminismo negro ali, as primeiras experiências Ead, e hoje, as vespéras do nosso primeiro quinquênio, temos uma plataforma de conteúdo e cursos online com mais de 30 cursos, 8 cursos presenciais, e 280 mulheres pesquisadoras, na sua grande maioria mulheres negras, integradas na primeira plataforma de conteúdo sobre feminismo negro com cursos on line do Brasil.
Muitas mulheres, ao lerem esse texto, se verão nessa história: nesses 5 anos foram mais de 5 mil mulheres negras entre encontros  presenciais e virtuais.


Primeira Turma do Curso O pensamento de Angela Davis - 14 de Dezembro de 2015/Espaço CUltural Jardim Damasceno-Brasilândia/SP


Alguém ai, consegue avaliar a potência disso?
Nós estamos fazendo história, minha geração de homens e mulheres negrxs estão fazendo história, e eu tenho orgulho de fazer parte disso, tenho orgulho de dividir isso com os meus, com os nossos.
Nos próximos dez dias, vamos oferecer algumas novidades em cursos e descontos especiais.
Que tenhamos mais 5 anos de crescimento e fortalecimento, de nossas mentes, de nossas histórias.
Quero agradecer, a cada mulher e a cada homem, em especial aos homens e mulheres negrxs, que compram nossos cursos, divulgaram nosso trabalho, deram um feedback positivo ou negativo sobre nosso trabalho, isso, é o que torna possível a existência desse espaço de formação e luta por um mundo sem racismo, machismo e qualquer tipo de opressão. Um mundo livre, humano e justo.  

Turma Curso Presencial  O que é feminismo? - Outubro/2015 - Casa Rizomma/Grajaú-SP


Agora, saiba um pouco mais sobre o que fazemos no Coletivo Di Jeje, e até dia 10 de Fevereiro, toda a plataforma estará com 50% de desconto, inclusive o planos
anual e semestral da NKANDA. Use o cupom de desconto NIVER5DIJEJE, válido até dia
de Fevereiro de 2019.

NKANDA
Plataforma de cursos e conteúdos virtuais sobre feminismo negro e a questão racial no Brasil e Estados Unidos. Oferecemos cursos sobre feminismo negro, intelectuais negras, movimento negro, racismo, mulheres negras (trans e cis), sexualidade e saúde da mulher negra. Atualmente a plataforma conta com 32 cursos on line com certificação válida como curso de extensão. Todos os cursos on lines disponíveis na loja, fazem parte da NKANDA.
A NKANDA é um serviço open, onde é possível acessa-la gratuitamente por 30 dias. Após os 30 dias, a usuária escolhe se quer fazer a assinatura mensal, semestral ou anual.

KUKALA
Plataforma de formação para professoras e professores sobre a Lei 10.639/2003, com cursos on line e conteúdos elaborados pela equipe de pesquisadoras negras do Coletivo Di Jeje. Os cursos possuem certificação de formação livre, e podem ser usados como comprovantes para evolução funcional.

CURSOS PRESENCIAIS
Nosso primeiro curso presencial oferecido, foi Apontamentos Inciais sobre o Pensamento de Angela Davis, em Setembro de 2015 na Universidade Federal de Santa Catarina. Mas atualmente temos 8 cursos: O pensamento de Angela Davis; O que é feminismo negro?; O que é racismo?; Intelectuais negras: Angela Davis, Beatriz Nascimento, Lelia Gonzales e Sueli Carneiro; Psicanalise e o racismo; Por uma educação anti racista e anti sexista; A importância histórica do candomblé e, a Razão e barbárie: racismo, escravidão e branquitude.

WEB AULA
Encontros virtuais com cerca de 30 minutos comigo, Jaque Conceição (cordenadora, fundadora do Coletivo Di Jeje e pesquisadora chefe) , sobre temas importantes do cenário brasileiro. Algumas abertas para o púnlico, outras exclusivas para assinantes NKANDA.


CURSOS ON LINE
Temos uma série de cursos on line sobre  feminismo negro, racismo e temas que circulam o universo da mulher negra, eles custam de 19,50R$ à 42R$, e podem ser acessados por 30 dias, também com certificação de curso de extensão.
Os cursos disponíveis são:
O que é lugar de fala?
O que é colorismo?
O que é feminismo?
O pensamento de Beatriz Nascimento
O pensamento de bell hooks
Transsexualidade e racismo
A história do movimento negro no Brasil
Mulher Negra: construção histórica e resistência
O pensamento de Angela Davis: de 1975 aos anos 2000
Gênero, relação étnico racial e formação escolar
O que é racismo?
Politica de drogas: racismo, genocido e a condição da mulher negra
Feminismo Interseccional
Feminismo Negro, cyber ativismo e a luta anti racista
Masculinidade Negra e o Feminismo Negro
O que é o feminismo negro?
Candomblé, feminino e ancestralidade
Pluralidades; mulher negra e lésbica
Marcadores sociais de mulheres encarceradas
Saúde sexual e reprodutiva da mulher negra
Sistema prisional e o encarceramento feminino
50 anos dos Panteras Negras: feminismo negro e resistência
O feminismo negro no Brasil - Lélia Gonzalez e Beatriz Nascimento
O pensamento de Angela Davis
A historia do feminismo negro no Brasil
A importância histórica do candomblé
A geração tombamento: pressupostos históricos e paradigmas atuais
O que é panafricanismo?

Até dia 10 de Fevereiro, toda a plataforma estará com 50% de desconto, inclusive o
planos anual e semestral da NKANDA. Use o cupom de desconto NIVER5DIJEJE,
válido até dia de Fevereiro de 2019.

Acesse https://nkanda.org e conheça a NKANDA, aproveite seus 
30 dias grátis e os descontos nos produtos e serviços.


Postagens mais visitadas deste blog

EDUCAÇÃO CONTRA O FASCISMO: Di Jeje oferece cursos gratuitos

A única forma de combater o fascismo é com educação critica.  Pensando nisso, a partir de hoje, nós do Coletivo Di Jeje, vamos disponibilizar gratuitamente os cursos: A história do Feminismo Negro no Brasil, O que é feminismo negro?, O que é feminismo? E o pensamento de Angela Davis. Basta acessar nossa loja e fazer o pedido do curso, e durante 30 dias você terá acessogratuito aos materiais, você pode realizar um ou todos os cursos gratuitamente ofertados com direito a certificação. Se fere nossa existência, seremos resistência!
Clique AQUI, acesse nossa loja e faça seu pedido!





NKANDA

Você já conhece a NKANDA: a primeira plataforma de conteúdo sobre feminismo com cursos com certificação, podcast, vídeos, filmes, documentários, livros, artigos e teses e dissertações sobre feminismo negro, feminismo, racialidade no Brasil, racismo, transssexualidade, escravidão, movimento negro e outros temas? Acesse aqui e saiba como assinar a NKANDA por 24 reais mensais!
Acesse AQUI e saiba mais!


PRECISAMOS FALAR SOBRE COLORISMO

Afinal, o que é COLORISMO? Qual  a origem desse termo?
Há muitas discussões sobre essa temática no Brasil. Expressões como afrobege, afroconveniente, pardo, mestiço, são associadas a temática do colorismo.
Existem diversas explicações: a eugênia imposta no Brasil no final do século XIX e começo do século XX, a mestiçagem forçada entre negros e europeus através do estupro de mulheres negras escravizadas
O processo da mestiçagem racial, também está ligada ao apagamento cultural e histórico da herança africana, presente no processo de construção da identidade brasileira.
Pensando sobre a necessidade da realização desse debate, que o Coletivo Di Jeje, te convida para a web aula Colorismo, com Jaque Conceição.
A aula vai acontecer on line via streaming, no dia 10 de Julho as 19hs, GRATUITAMENTE. Para participar, acesse o link e se inscreva. As inscrições vão até dia 08 de Julho, e as vagas são LIMITADAS. Haverá emissão de certificados.

A web aula faz parte do curso O que é colorismo? desenvolv…

12 MOTIVOS PARA VOCÊ FAZER PARTE DA NKANDA

Você já deve ter ouvido falar dos cursos on line do Coletivo Di Jeje, não é mesmo?
Nossos cursos, de formação política e acadêmica para mulheres, sobretudo mulheres negras, se desenvolvem em uma plataforma on line chamade de ambiente virtual de aprendizagem. Nesses 3 anos, nos buscamos desenvolver uma forma de ensino e aprendizagem, a partir das críticas e sugestões das usuárias; um método que privilegie a autonomia e a troca de esperiência das usuárias; aliado a um preço que pudesse ser acessível e tornar o produto possível para todas as mulheres, sobretudo, as mulheres da classe popular. E, conseguimos. Com muito prazer, apresento para vocês a NKANDA

A NKANDA é uma plataforma de e-learning (ensino virtual), que contempla uma série de conteúdos: cursos com certificado de 90 horas, podcasts, videos, livros, teses e dissertações, filmes e documentários e artigos, todos sobre gênero e relações étnico raciais, no Brasil, América Latina, Africa e Estados Unidos.
Agora, eu vou te apresentar 1…